iOrbix
Email
Password
Comments
 
Send Comment
1-10 of 89
 
Obrigado fofinho *.*
 
 
Feio <3
 
 
[i]Obrigada *[/i]
 
 
parabens e mts felicidades
 
 
[i][c=#660033]Parabéns (:[/c][/i]
 
 
(:
 
 
Obrigada **
 
 
Pitas ou putas só tem uma solução
A cina já ta marcada, é de colchão em colchão
Larga a droga, o álcool e já agora larga a vida
Só prestas para fazer broxes e para pegar a sida

Julieta sem romeu, Dalila sem sanção
Corpo de mulher mas com uma vida de cão
Sua cadela de merda, és vendida por tostões
Não sabes ter uma conversa sem segundas intenções


A conversa é sempre a mesma, falta de criatividade
Pitas ou putas só muda mesmo a idade
Vai para a net, faz login e começa a tua caça
Pitas ou putas é tudo da mesma raça

Com esse ar sedutor, a mim já não me engana
Não digas que queres amigos, tu só queres é cama
Quando terminares o teu caminho da infertilidade e da loucura
Já podes lançar finalmente o teu livro de kamasutra

Refrão 2x

Mulheres da vida, elas já o são
Começam desde novas, com profissão
Metem nojo a toda a gente
E já que falam por trás falem também pela frente

Pitas ou putas, eu não vejo nada de bom
Ponho a caneta de parte para escrever com o batom
São gajas como tu, que poem os homens loucos
Andam á procura do gajo certo e por isso rodam todos

Então relaxa man, não é preciso ter medo
Estas putas desde pitas que sabem chupar no dedo
Um gajo regá-la as vistas e até fica maluco
Tu nem precisas das despir, elas na net mostram tudo

Perdem a noção do ridículo, porque só têm foda na mente
Inda ontem te conheceu e já te ama para sempre
A garotada de hoje em dia, não tem paixões com chama
É por isso que dizem que é amor, relações de uma semana

Então fodasse, eu quero é putas e fazer letras
Fodas no primeiro encontro, a arrebentar com pretas
Se queres o concelho de um burro para não andares a sofrer
Agarra nessa puta, fodea e manda a foder

Refrão 2x

Mulheres da vida, elas já o são
Começam desde novas, com profissão
Metem nojo a toda a gente
E já que falam por trás falem também pela frente



Pitas ou putas a mim não me dizem nada
Um gajo cospe uma linha e ficam com ela molhada
Já não há mulheres como diz a tradição
Desde novas com profissão, desconhecem educação

E desconhecendo o amor só ambicionam atracção
Pensam com a vagina e cagam no coração
Burras de merda, não jogam com todo o baralho
Têm duas caras e ambas gostam de caralho

Cusquice frequente é passatempo no facebook
Levam vidas à frente na conquista de um duque
Acabar com relações é o seu grande fetish
Que nojice, não acho isso uma cena nada fixe

Crianças mimadas, nem sequer com cavalagem
Apostam tudo na roupa e numa boa maquilhagem
O desgaste não engana mas arranjam cama
E já depois da ceia choram de barriga cheia

Refrão 2x

Mulheres da vida, elas já o são
Começam desde novas, com profissão
Metem nojo a toda a gente
E já que falam por trás falem também pela frente
 
 
Vai começar a brincadeira, e já te fiz um convite
Tenho os bombeiros na back, para não botar fogo no beat
E ele vem armado em gangstar porque bebe e fuma
O teu rap é tão podre que nem sei se ria ou se durma

Estás a dar para garanhão a fazer sons sobre cábras
Mais cabra é a tua mãe, sua foda mal dada
E hoje reflete-se no rap que tu não foste desejado
Porque para além de só dizeres merda inda por c
ima és empapado

Coitado, és tão fraquinho que tenho pena de ti
Se queres um feat á tua altura, faz tji feat fany
E para ti acabou-se o brinde, vai lá chamar a multidão
Enquanto eu vou á wc, tenho que ir mandar um tjizão

" Muda o tema. "

Estou farto de ser comparado com quem não tem nada a ver
Vou-me dar ao trabalho de explicar espero que consigas perceber
O meu rap é o manual para quem me quer entender
Qual quer problema da minha vida é aqui que o venho esconder

Não faço para ser famoso, não faço para ter dinheiro
Não faço para estar na moda, ou para me darem paleio
Tu fazes cheio de objectivos, o teu rap é postiço
Eu faço isto apenas por amor, haverá mais real do que isso?

E é nisto que eu reflito e penso em todos os porquês
Mas eu nem curto pensar na vida, logo faço rap poucas vezes
E reparo que a minha vida é uma contradição
Levo com os pés de tanta gente que só lhe quero dar a mão

Mas a vida continua, e o puto não sai das andanças
Antes trocava a escola pelo skate, hoje troco pelas ganzas
E vou puxando até me rir da merda que a vida é
Enquanto a janela do meu quarto mais parece uma chaminé

E tu a comentares merdas que eu não sou ninguém
Mas quem te dera ser o puto p se fosses gozado por alguém
E vens com merdas que uns criam contas e outros lançam álbuns
Mas enquanto uns fazem sons, outros limitam-se a comentá-los

Mas eu estou-me a cagar para pitas, quero se fodam meu
Sou querido para tanta gaja e inda dizem que o frio sou eu
Já sofri tanto na vida, que hoje não á quem me agarra
Como é que não posso ser cabrão, se vivo no meio de tanta cabra

Mas ya que se fodam putas, eu já nem curto ir para a cama
Passo a vida no céu, ca minha dama marijuana
A viver nas nuvens, e a curtir o nevoeiro
Eu nem curto vir para a terra porque ela é o meu cinzeiro

E dou conteúdo no rap, enquanto tu cantas para uma kenga
O meu rap é uma lenda, e o teu é uma lenga lenga
Seu xunga do carálho, tu nem sequer topas o lógico
Andas a defender os teus, e nem te defendes a ti próprio

E o people vem com bocas, a criticar o meu look
Só porque não tenho o estilo da moda, e não sou rodado no facebook
" Tu és mesmo ridículo, o teu cabelo parece que foi lambido
com 200 view's por mês nunca vais ser conhecido "
 
 
[c=#E50073][b]adoro-te baby<3[/b][/c]
 
1-10 of 89
Joao Moura | Comments | iOrbix
JavaScript is disabled on your browser.
iOrbix won't work properly if your browser doesn't have JavaScript enabled.
Please enable JavaScript, or alternatively, access iOrbix Mobile.